RAIZ - Instituto de Investigação da Floresta e do Papel

Descrição das principais atividades de pesquisa e desenvolvimento

A RAIZ adquiriu conhecimentos importantes sobre o estado da arte em soluções tecnológicas avançadas para valorização da biomassa e tomou conhecimento dos principais problemas e desafios. Estas atividades focaram-se na disponibilidade de biomassa na floresta portuguesa, processos de desconstrução (revisadas e novas abordagens), aptidão para hidrólise e conversão, produtos de alto valor agregado de açúcares, lignina e extratos, integração de processos e avaliação técnica e económica das cadeias de valor consideradas .


Contribuições-chave para o CoLab

A RAIZ pretende ser um ator-chave no setor industrial nacional de base biológica, contribuindo para aumentar a competitividade de Portugal e cumprir as metas de energia e clima para 2030. Essas principais metas são apoiadas pela atividade atual e emergente das indústrias de base biológica. No entanto, para alcançar uma sustentabilidade de longo prazo dos processos de biorrefino em fábricas de celulose ou unidades de processamento lignocelulósico (indústrias de base biológica), é necessária a integração de materiais de plataforma / produtos químicos, energia e produção de alto valor agregado em cadeias de valor circulares. Para isso, a RAIZ está ciente da importância de concentrar competências técnicas e disponibilizar dados sobre recursos renováveis ​​e processos industriais estabelecidos em uma plataforma colaborativa como este CoLAB.


Redes / Associações Internacionais

A RAIZ pretende ser um parceiro ativo, contribuindo para a pesquisa e demonstração de produtos de base biológica avançados e biocombustíveis baseados em recursos nacionais, para finalmente estabelecer Portugal como um participante chave na Bioeconomia.