Publicação dos Potenciais de Produção de Biometano Atualizados para os Estados-Membros da UE

Publicação dos potenciais de produção de biometano atualizados para os Estados-Membros da UE, avaliando a viabilidade do objetivo de 35 bcm da REPowerEU para 2030 e oferecendo perspetivas até 2050.

 
O consórcio Gas for Climate (GfC) publicou hoje uma atualização sobre os potenciais de produção de biometano nos Estados-Membros da UE, com base nos avanços da tecnologia e na ambição renovada da UE de acelerar a produção de biometano.

O estudo mostra que existem matérias-primas sustentáveis suficientes disponíveis na UE-27 para cumprir o objetivo REPowerEU 2030 de 35 bcm.

Na estimativa da GfC, poderiam estar disponíveis até 41 bcm de biometano em 2030 e 151 bcm em 2050. Estes são valores bastante significativos, uma vez que o consumo atual (2020) de gás natural da UE é de 400 bcm (dos quais 155 bcm foram importados da Rússia).

Como tal, o biometano tem um papel fundamental no cumprimento dos objetivos de redução de GEE (Gases Efeito de Estufa) da UE em 2030 e em alcançar emissões de carbono neutras até 2050. Mais ainda, o biometano tem o potencial de aumentar a segurança energética europeia ao reduzir a dependência do gás natural russo e aliviando parte da pressão do custo da energia nas famílias e empresas. Para conseguir concretizar este cenário, é necessário um scaling-up significativo da produção, tanto a curto como a longo prazo, uma vez que atualmente são produzidos 3 bcm de biometano e 15 bcm de biogás na UE.
 
Leia o relatório completo em: https://lnkd.in/e-3DVixr

20-10-2022